O que é o recapeamento da pele a laser?

O recapeamento da pele a laser é um tipo de procedimento de cuidado da pele realizado por um dermatologista ou médico. Envolve o uso de lasers para ajudar a melhorar a textura e a aparência da pele.

Dependendo de suas necessidades individuais, seu dermatologista pode recomendar lasers ablativos ou não ablativos. Lasers ablativos incluem dióxido de carbono (CO2) ou érbio. Os tratamentos de recapeamento a laser de CO2 são usados ​​para eliminar cicatrizes, verrugas e rugas profundas. O érbio é usado para linhas e rugas mais finas, juntamente com outras preocupações superficiais da pele. Ambos os tipos de laser ablativo removem as camadas externas da pele.

Lasers não ablativos, por outro lado, não removem nenhuma camada da pele. Isso inclui luz pulsada, lasers de corante pulsado e lasers fracionários. Lasers não ablativos podem ser usados ​​para rosácea, veias de aranha e problemas de pele relacionados à acne.

Continue lendo para saber mais sobre como o procedimento funciona, por que é feito, possíveis efeitos colaterais e muito mais.

Quem deve obter esse procedimento?

Você pode considerar esse procedimento se tiver preocupações com os cuidados com a pele relacionados à idade, sol ou acne que não são tratáveis ​​com produtos de venda livre (OTC).

O recapeamento da pele a laser pode ser usado para tratar uma ou mais das seguintes preocupações cutâneas:

·         manchas de idade

·         cicatrizes

·         cicatrizes de acne

·         linhas finas e rugas

·         pés de galinha

·         pele flácida

·         tom de pele irregular

·         glândulas de óleo aumentadas

·         verrugas

Seu tom de pele natural também pode determinar se esse é o melhor tipo de procedimento cosmético para você. Pessoas com tons de pele mais claros geralmente são boas candidatas porque apresentam um risco reduzido de hiperpigmentação.

No entanto, é um equívoco que o ressurgimento da pele a laser seja apenas para pele clara. A chave é trabalhar com um dermatologista ou médico que sabe quais tipos de lasers funcionam melhor para tons de pele mais escuros (por exemplo, lasers de érbio).

Este procedimento pode não ser adequado para pessoas com acne ativa ou pele flácida excessiva.

Também é recomendado que esse procedimento seja realizado durante o outono ou o inverno. Isso pode ajudar a diminuir a exposição ao sol, o que pode danificar a pele delicada.

Quanto custa isso?

O recapeamento da pele a laser é considerado um procedimento cosmético, portanto não é coberto pelo seguro médico.

Os custos variam entre os tipos de lasers utilizados. Seu custo total também depende de quantas sessões você precisa, bem como da área a ser tratada. Alguns dermatologistas mais experientes também podem cobrar mais por sessão. Você provavelmente precisará de várias sessões de recapeamento a laser até alcançar os resultados desejados.